Hayane Souza (Ideia de Marketing)

É bem difícil encontrar alguém que não tenha assistido pelo menos um episódio de Os Simpsons. Alguns odeiam, mas muitos adoram há anos. O que envolve a história da família amarelinha mais querida da América e por que eles tem tantos seguidores assíduos?

Além de ser a série animada de TV com maior duração da história (25 anos em 2014), e o primeiro desenho animado apresentado pela FOX, Os Simpsons conta com um público que espera sempre por novidades, não se surpreende com as polêmicas tratadas no enredo e está sempre presente no horário nobre.

Mesmo tendo ganho mais de 45 prêmios e ter fãs em todo o mundo, no início a série passou por inúmeros empecilhos em seu país de berço. Já foi proibida por escolas públicas, citada negativamente pelo ex-presidente dos EUA, George W. Bush, e diversas acusações de abuso contra a família norte americana. Mas nunca foi abalada pela negatividade, manteve a postura diferente e surpreende até hoje.

Por tratar de fatos, problemas reais e polêmicas nacionais (ou internacionais), Os Simpsons ganhou uma corrente de seguidores, pois nunca foi um desenho animado comum, e isso ganhou destaque entre os telespectadores. A criatividade das falas e histórias, a constância da personalidade de cada personagem e a complexidade das tramas faz com que a série animada nos dê uma lição importante:

Quanto mais próximo do dia-a-dia do seu público você estiver, mais irá satisfazê-lo. Quanto mais abusar da criatividade que envolve os dramas diários, mais ações envolventes e descontraídas poderá oferecer. Uma boa história rende episódios famosos, filmes, livros, produtos comerciais e muitos fãs. Quanto mais envolvido em seus negócios e mais souber sobre ele, maior sua chance de caminhar para o sucesso e fidelizar seu público. Sua empresa, produto ou carreira pode render uma boa história, mesmo contando fatos simples e diários. Explore o que faz sucesso com a sociedade e use os pontos positivos para o crescimento de seu produto ou carreira, o mínimo que poderá obter são resultados satisfatórios!

Flávio Dino durante entrevista ao Viomundo.

Flávio Dino durante entrevista ao Viomundo.

A blogosfera amestrada pelo grupo Dino tenta distorcer o que os blogs não alinhados ao dinismo escreveram sobre as declarações do governador eleito em relação à Rádio Timbira.

Em duas entrevistas a blogs nacionais, Flávio Dino foi provocado quanto à politica de comunicação que adotará no seu governo, tendo como pano de fundo sempre a suposta “dominação” do grupo Sarney/Lobão na imprensa local.

No dia 6 de dezembro, 0 blog Rede Brasil Atual (RBA) fez a seguinte pergunta a Dino: “No Maranhão, essa esperança conseguiu vencer o poder das mídias controladas pelas famílias Sarney e Lobão. Mas será possível governar com esse poder da mídia na oposição?”.

Eis a resposta do governador eleito: “É possível, a partir de uma emissora pública de rádio, melhorar as condições de pluralidade na circulação de ideias na sociedade. Apoiar jornais regionais, pequenos jornais, blogs regionais e investir muito na extensão do acesso à internet, à banda larga, que é também um caminho para você diminuir essa assimetria  absoluta, na medida em que eu não sou dono nem de rádio, nem de TV, nem de jornal, e não serei“. (Leia a íntegra da entrevista ao RBA).

Já no dia 12 de dezembro, desta feita no blog Viomundo, Flávio Dino, mais empolgado, voltou a defender o uso das mídias alternativas e da internet como instrumentos para se comunicar com a sociedade, além de afirmar que irá “retomar e revitalizar a Rádio Timbira, que está hoje num quadro de quase total abandono” (veja vídeo abaixo).

Resumo da ópera: foram dois momentos diferentes em duas entrevistas a blogs diferentes. Só que a blogosfera “amiga” tenta fazer crer que foi apenas em uma entrevista que Flávio Dino tratou da Rádio Timbira. Não foi!

E para finalizar, neste final de semana os “Blogueiros de Paletó”* resolveram distorcer outro fato.

É que o futuro secretário de Comunicação, jornalista Robson Paz, em declaração ao blog do Jorge Aragão (reveja), reconheceu o bom trabalho do atual diretor da Rádio Timbiras, radialista Juraci Filho. “O trabalho desenvolvido por Juraci Filho foi muito bom”, disse Paz.

Foi o suficiente para, momentos depois, os blogs dinistas tentarem de todo jeito desdizer o futuro chefe da “Seconzona”.

A seguir, o vídeo da entrevista de Flavio Dino ao Viomundo onde fala sobre o tal “abandono” da Rádio Timbira:

Imagem de Amostra do You Tube

*Blogueiros de Paletó – É assim que estão sendo chamados os principais blogueiros que operam sob o comando do dinismo, após todos aparecem de paletó e gravata na cerimônia de diplomação de Flávio Dino, na sexta-feira, 19.

Reitor Natalino Salgado assinou ordem de serviço para início da obra

reitor_artesSÃO LUÍS – Os cursos de Artes Visuais, Música e Teatro da UFMA ganharão um novo prédio com dois pavimentos em uma área de nove mil metros quadrados. O reitor Natalino Salgado assinou hoje a ordem de serviço para o início das obras do espaço, batizado de Núcleo de Artes, com prazo de entrega para dezoito meses.

A solenidade foi realizada no Centro de Ciências Humanas da UFMA e contou com as presenças dos coordenadores e chefes de Departamento das habilitações artísticas, de alunos representando o Centro Acadêmico de Teatro e Artes Visuais e dos professores que lideraram o projeto que originou o futuro Núcleo de Artes.

O prédio abrigará galeria de artes, salas de cinema e laboratórios para o desenvolvimento de atividades dos diferentes segmentos, como pintura, desenho, fotografia, escultura, dentre outras. A obra está orçada em R$ 12.757.088,26 e deve começar logo no início do ano.

O curso de Teatro terá em suas instalações sala para caracterização cenotécnica, expressão vocal, corporal, sala de dança e auditório com dois camarins e um palco. “Esse Centro é um sonho se tornando realidade, tendo em vista o comprometimento de todos os professores e do reitor para com as artes”, afirmou a aluna do curso de Teatro, Dayana Gomes.

A professora do Departamento de Artes Visuais, Ana Teresa Desterro Rabelo, conhecida como Estrelinha, lembrou como tudo começou. “Esse projeto do Núcleo teve início, primeiramente, com o pessoal do teatro que tinha planos de criar um teatro dentro da UFMA. Após essa primeira ideia, os demais cursos se uniram”, contou. O diretor do Departamento de Assuntos Culturais – DAC, Gersino dos Santos, disse ainda que o projeto inicial era no formato de um octógono. “Um espaço livre para trabalhar a arte, e hoje se transformou nesse prédio grandioso”, exultou.

Segundo o reitor Natalino Salgado, o futuro Núcleo de Artes é o resultado de uma idéia compartilhada, em um processo de integração das expressões artísticas, como espaço de transdisciplinaridade na Universidade. “Esse é um momento para selar o compromisso de várias pessoas na luta pela melhoria da UFMA. Não se constrói nada de um dia para o outro, pois precisamos de trabalho e união. Será feito um esforço imenso para que a inauguração aconteça até outubro, onde realizaremos uma grande comemoração”, enfatizou.

Ônibus biarticulados: usados, mas comemorados como “novos”.

Ainda rende a polêmica sobre os ônibus biarticulados que estão circulando nas ruas da nossa capital.

É que a Prefeitura de São Luis adquiriu ao menos duas destas viaturas de “segunda mão”, ou seja, semi-novos, ou ainda: usados.

Os “Minhocões” foram “importados” de Minas Gerais onde, por lá, provavelmente, rodaram muitos quilômetros.

O engraçado, não fosse ridículo, é que agentes da prefeitura, oficiais e oficiosos, tentam justificar a revelação de que os “Minhocões” não são novos com o discuso de que nunca foi dito que os fossem. Menos, menos…

São Luis é uma capital de estado e não pode ser tratada como se fosse uma mera cidade de médio porte do interior do Brasil em que ônibus semi-novos são adquiridos pela prefeitura e festejados como uma grande novidade, um grande presente para a população. Uma ova!

O impressionante é ver secretário municipal experiente, conhecedor de várias cidades brasileiras e internacionais, homem de turismo, que ainda encontra coragem de defender esse verdadeiro deboche com a população de São Luis que é a aquisição desses ônibus usados.

E pensar que um dia foi apresentado a São Luis um VLT – Veículo Leve sobre Trilhos.

E novinho em folha…

Juraci Filho mostra equipamentos modernos da Rádio Timbira ao futuro secretário Robson Paz. (Foto: blog do Jorge Aragão).

Leio no blog do amigo Jorge Aragão a seguinte declaração do futuro secretário de Estado de Comunicação Social, Robson Paz: “O trabalho desenvolvido por Juraci Filho foi muito bom”.

O reconhecimento de Paz ao trabalho de Juraci Filho, feito na semana passada quando foi visitar as instalações da emissora púbica, só vem confirmar que o governador eleito Flávio Dino (PCdoB) realmente falou sem conhecimento de causa sobre a realidade atual da Rádio Timbira, na entrevista concedida pelo comunista ao blog Viomundo, onde assegurou que a rádio estaria “num quadro de quase total abandono” (reveja).

A declaração de Paz, que não costuma revelar sua opinião sobre determinados assuntos, encerra, portanto, a discussão de que a Rádio Timbira está “num quadro de abandono”.

Ex-presidente Lula divulga vídeo em que defende o reatamento das relações diplomáticas entre EUA e Cuba e diz que espera agora pelo fim do embargo; “Não havia mais nenhuma razão, não existia mais explicação econômica, política, não existia mais nada. Era apenas uma coisa chamada picuinha”, disse; segundo ele, o presidente Barack Obama fez um “gesto importante” ao conversar com Raúl Castro; ele ressaltou que o fato serve também para “aquelas pessoas que têm complexo de vira-lata”, que dizem que “o Brasil não pode financiar Cuba, não pode financiar Venezuela”; petista defende que “investir no Porto de Mariel foi muito importante e esse é o papel que um país gigante como o Brasil tem que fazer”

247 – Não havia mais razões para que Estados Unidos e Cuba continuassem distantes diplomaticamente, avalia o ex-presidente Lula em um vídeo publicado na noite desta sexta-feira 19 em sua página no Facebook. Ele lembra como os governantes da América Latina trabalharam “incansavelmente para que houvesse o reatamento das relações e o fim do embargo” com a ilha. “Eu pessoalmente conversei com o [ex-presidente americano George] Bush, conversamos com o [presidente Barack] Obama. E não havia mais nenhuma razão, não existia mais explicação econômica, política, não existia mais nada. Era apenas uma coisa chamada picuinha”, diz o petista.

“Obama fez um gesto importante”, continua Lula. “Não sei o Congresso americano vai pôr fim ao embargo, eu acho que deveria pôr fim ao embargo”, opina o ex-presidente. Ele afirma que o fato pode ser importante também para “aquelas pessoas que têm complexo de vira-lata”, que dizem que “o Brasil não pode financiar Cuba, não pode financiar Venezuela. As pessoas têm que entender que o Brasil não ‘tá’ dando dinheiro, as pessoas têm que entender que o Brasil está exportando tecnologia, engenharia, coisas fabricadas aqui no Brasil”, ressalta.

Segundo ele, investir no Porto de Mariel, tema que foi alvo de ataques durante a última eleição presidencial, “foi muito importante e esse é o papel que um país gigante como o Brasil tem que fazer. Fazer um papel de coitadinho ninguém aceita”, conclui. “Deus queira que seja verdadeira essa vontade do Obama e que o Congresso americano coloque fim ao embargo para que Cuba seja totalmente livre, porque foi para isso que os cubanos fizeram uma revolução em 59″.

Assista ao vídeo com as declarações do ex-presidente Lula AQUI.

Ricardo Murad: candidato a prefeito de São Luis.

O deputado estadual e ex-secretário de Saúde, Ricardo Murad, disse com exclusividade ao Blog do Robert Lobato que será candidato a prefeito de São Luis em 2016.

A afirmação do parlamentar foi dada ontem, 19, após a cerimônia de diplomação dos eleitos nas eleições de 2014.

Ricardo Murad foi recordista de voto nas eleições de outubro “obtendo” mais de 120 mil votos, considerando a eleição da filha, Andrea Murad , e do genro Sousa Neto.

“Serei candidato a prefeito de São Luis em 2016. Nossa cidade está abandonada e deve ser melhor administrada. São Luis necessita mais do que um choque de gestão, necessita de um choque de vergonha”, disse.

Perguntado pelo blogueiro Bob Lobato se contaria com o apoio do PMDB para a sua candidatura de prefeito, Murad disse que não precisa de apoio do partido, mas do povo.

“Serei candidato com o apoio do povo. Vou conversar com a cidade independente de partido”, assegurou.

Se depender do ânimo, disposição e coragem, com certeza Ricardo Murad pode ser o nome para atrapalhar os planos de reeleição do prefeito Edivaldo Júnior.

Vale aguardar e conferir.